Últimas da Opção Fm

Rio Claro tem queda na quantidade de larvas de Aedes aegypti.

Rio Claro tem queda na quantidade de larvas de Aedes aegypti.

Editor

outubro 16th, 2020

Sem comentários

Município registrou queda de 84% em comparação com análise anterior e agora tem índice satisfatório.

A Secretaria de Saúde de Rio Claro concluiu nesta semana o segundo levantamento deste ano de Análise de Densidade Larvária (ADL) do município. O resultado de 0,3 é satisfatório de acordo com a classificação da Organização Mundial de Saúde (OMS). Na análise anterior, realizada em janeiro, o município teve índice de 1,9.

Para a análise, na primeira quinzena de outubro foram percorridos 2.447 imóveis nas quatro áreas em que a cidade foi dividida para este trabalho. O maior número de larvas foi encontrado em área que compreende os bairros Bonsucesso, Bom Retiro, Novo Wenzel, distrito de Batovi e toda a região oeste e sudoeste da cidade.

Os recipientes onde os agentes encontraram mais larvas foram pratos colocados sob os vasos de plantas, ralos internos e pneus. Todo o material recolhido foi analisado pelo Núcleo de Combate a Endemias no laboratório do Centro de Controle de Zoonoses. De acordo com a OMS os índices inferiores a 1% são considerados satisfatórios; 1% a 3,9% indicam situação de alerta; e índices superiores a 4%, risco de surto.

Apesar de o município estar dentro do índice satisfatório, é importante que a população mantenha-se alerta com relação ao mosquito Aedes aegypti, dificultando a sua reprodução com a eliminação de criadouros. As ações de retirada de criadouros feitas pelo CCZ aos finais de semanas, visitas realizadas nas residências diariamente, seja em operações bloqueio ou em vistoria casa a casa, contribuíram para que o índice da ADL ficasse abaixo de 1%. As análises de abril e julho foram suspensas pelo Ministério da Saúde devido à pandemia da Covid-19.

Rio Claro tem 1.163 casos da doença neste ano, sendo que nenhum novo caso foi confirmado em Rio Claro nesta semana. Não há registros de zika vírus, chikungunya febre amarela, doenças também transmitidas pelo Aedes aegypti.

Comentários estão fechados.

MENU
Wordpress Social Share Plugin powered by Ultimatelysocial